Exposições > Exposição Para uma Timeline a Haver por João dos Santos Martins, Ana Bigotte Vieira e Carlos Oliveira

Exposição Para uma Timeline a Haver por João dos Santos Martins, Ana Bigotte Vieira e Carlos Oliveira

Um diagrama possível para uma timeline a haver: convite à colaboração  

Para esta edição, no Espaço da Penha - celebrativa dos 20 anos de actividade d’O Rumo do Fumo - re-apresenta-se, na tradição dos fluxogramas dos movimentos artísticos, uma genealogia diagramática da produção da dança como prática artística em Portugal, inicialmente esboçada para o Materiais Diversos 2019. Este diagrama - num gesto necessariamente artificial, apesar de fundamentado - tenta contextualizar na longa duração o movimento da dança independente identificado como Nova Dança Portuguesa. Com o intuito de tornar este exercício colaborativo, a ideia é que a sua transposição para a parede seja acompanhada de um esforço de imaginação de desenhos outros, a lápis, passíveis de se justapor e acrescentar ao exposto.

Para uma timeline a haver é um exercício colectivo de sinalização de marcos relativos ao desenvolvimento e disseminação da dança como prática artística em Portugal nos séc. XX e XXI. Levado a cabo intermitentemente desde 2016 e assumindo o presente como lugar de enunciação, visa permitir uma sinalização cruzada, relacionando eventos de matriz social, política, cultural, biográfica e artística. Exercício aberto e em processo, sofre a cada edição, mutações distintas que levam frequentemente a uma reconfiguração física e metodológica do próprio projecto, que é obrigado a repensar-se.  

Ficha Artística

Edição
Ana Bigotte Vieira, Carlos Manuel Oliveira, João dos Santos Martins
 
Design
Ana Schefer e Teo Furtado
 
Pintura Mural
Pedro Lagoa e Bruno Dias
 
Agradecimentos
Ana Dinger, Maria de Assis, Maria João Brilhante, Rita Natálio, Sílvia Pinto Coelho